Éramos jovens. A voz melancólica de Ney Lisboa sobrevoava os Telhados de Paris enquanto atravessávamos as noites insólitas do inverno de Porto Alegre. Agasalhávamos as horas frias bebendo cervejas Bock, esgrimindo o cotidiano, comprimindo o indizível, lendo o presente e rabiscando o futuro, em um constante desacordo com a ordem estabelecida. A incerteza era nossa única certeza. Não éramos feike. Perseguíamos com fé, porém sem saber ao certo o quê. Éramos personagens de uma literatura esquecida pulverizando sofismas contra o muro da realidade. Éramos jovens inocentes que ainda não sabiam o tanto que haveriam de percorrer.

O tempo, como o forte vento minuano, soprou todos os anos à sua frente. Saí da cidade em busca de algo mais. Amarildo permaneceu na cidade em busca de algo mais. Encontrou. Sua poesia prova isso.

Hoje, o dedicado professor, além do quadro de giz, espreme as horas interligando palavras e construindo versos de genuína beleza. Imprimindo rigor em torno de sua fuga interior. Depois de nos apresentar seu Amor Distópico, nos convida para uma nova sessão de leitura: 4 fases de homem.

Tito Monteiro



Para adquirir esse livro, entre em contato com o autor clicando aqui.


Detalhes da publicação:
Livro impresso 1ª edição, 2017 104 páginas + capa e contracapa com abas Dimensões do layout: 140x210mm Capa em papel Supremo 300g, 4×1 cores Miolo em papel Offset 75g, 1×1 cor (níveis de preto) Tipografia: Cabin e Coolvetica Autoria: Amarildo Veiga Capa e edição: Rodrigo Fagundes Produção: PUB Editorial

Categories: Sem categoria